ESTAMOS TRABALHANDO POR AQUI DESDE 2012

LogoEH.png

Para contar a história de todo esse trabalho, vou passar o texto para primeira pessoa e contar a partir de mim, Fany.

No início de 2012 entendi que queria mesmo me enraizar no mato e morar aqui em Embu-Guaçu. Para isso, eu precisava que meu trabalho fosse também aqui. Foi então que criei o Espaço Hervé (nome do meu pai) para poder juntar minhas duas grandes paixões, arte e natureza.

Foi então que buscando a ajuda de amigos e pessoas maravilhosas, consegui colocar o Espaço Hervé ativo, desenvolvendo diversos projetos incríveis, sempre com a proposta de quebrar a fronteira entre natureza, arte e vida.

Espaço Hervé.jpg

Foram desenvolvidos diversos projetos pelo Espaço Hervé, dentro e fora do terreno.

Porém, as adversidades em trabalhar com cultura não é de hoje, enfrentamos muitas dificuldades (principalmente financeiras) no decorrer de todo o trabalho, porém, o que nos impossibilitou a continuidade foi a passagem de um furacão, destruindo grande parte da estrutura que tínhamos.

Após tantos percalços, resolvemos deixar o projeto numa gaveta, para então estruturar todo o espaço com mais segurança e estabilidade para tempos futuros, e assim foi feito...

gramado
press to zoom
Preparo do terreno
press to zoom
2º Festival
press to zoom
Habitar
press to zoom
1º Festival
press to zoom
2º Festival
press to zoom
Fogueira
press to zoom
3º Festival
press to zoom
Habitar
press to zoom
Cineminha
press to zoom
Arteduca
press to zoom
Arteduca
press to zoom
2º Festival
press to zoom
2º Festival
press to zoom
Sábado de arte
press to zoom
Arteduca
press to zoom
2º Festival
press to zoom
3º Festival
press to zoom
3º Festival
press to zoom
3º Festival
press to zoom
3º Festival
press to zoom
Arteduca
press to zoom
Terra de Voar
press to zoom
Viveiro de mudas
press to zoom
Furacão
press to zoom
1/1

O Nascimento da Mateira

Depois dessa pausa, precisei me reinventar e acabei caindo no artesanato, e rapidamente criei a marca Mateira eco-design.
Nessa trajetória percebi que gosto demais trabalhar com madeira, gosto de conversar com cada pedaço que aparece para mim, e oferecer a essa peça, uma nova funcionalidade.

Com alguns anos nesse trabalho entendi que é mais uma coisa que ficaria em mim e não sairia mais, porém, o Espaço Hervé ainda me chamava. Foi quando meu pai precisou sair da Fábrica que ele e nosso amigo Joel, construiu no terreno de casa.  Deste modo, ele fez a doação desse lindo galpão para que eu fizesse dele meu espaço de trabalho.

Foi então que eu entendi que seria a hora de pegar tudo isso que eu sou, adicionar meus sonhos e construir um espaço que abrigaria um pouco de cada projeto meu. E assim faço nascer (ou renascer) a Casa Mateira.

LOGOpb2.jpg
mateiraecodesign.jpg
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
press to zoom
1/1

Da Fábrica à um núcleo cultural

Como aqui a gente ama história, segue um pouquinho do passado do galpão antes dele se tornar o que é hoje.

ITC
press to zoom
ITC
press to zoom
ITC
press to zoom
Herve
press to zoom
ITC
press to zoom
ITC
press to zoom
Recomeçando
press to zoom
Dando um trato
press to zoom
Pintura
press to zoom
Pintura
press to zoom
1/1